Páginas

domingo, 14 de agosto de 2011

Abatidos, sim; derrotados, jamais!

“Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados. Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos” (2 Coríntios 4:8,9)

Se você tem se sentido um derrotado ou um fracassado... Se você acha que já perdeu a batalha e que não há mais solução... Então pare por alguns instantes e leia esta mensagem.

Eu sei que muitos por aí pregam que nós sempre seremos vitoriosos e nunca haverá derrotas para nós, que somos cristãos. Mas a gente sabe muito bem que, na realidade, as coisas não funcionam bem assim. Eu sei que essa palavra pode soar um pouco estranha pra você, mas em alguns momentos, nós perdemos sim.

Entenda bem o que eu estou querendo dizer... Pense numa guerra... Uma guerra não é feita só de uma batalha. Ela é feita de várias batalhas, vários combates. E perder um destes combates não significa que você perdeu a guerra. Pelo contrário. Um exército pode ter perdido uma batalha mas, ao final da guerra, ele é o vencedor porque, apesar de ter perdido uma, venceu várias outras, entende?

Assim também acontece na vida. Podemos perder por um momento, mas pela graça e misericórdia de Deus, Ele nos levanta, nos fortalece, nos faz seguir em frente e caminhar de cabeça erguida. Porque, ao final da guerra, apesar de algumas derrotas, com certeza, a soma das nossas vitórias vai nos fazer mais que vencedores.

E como diz o versículo do início, “Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados. Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos”. Creia nisso!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário